Guilherme Arana entra na mira do Benfica, aponta imprensa de Portugal

Foto: Pedro Souza / Atlético

 

Por: Angel Baldo / @angelbaldo13

A regularidade do lateral Guilherme Arana no Atlético foi coroada com o prêmio de melhor jogador da posição no último Campeonato Brasileiro e agora, com a convocação para defender o Brasil nas Olimpíadas de Tóquio.

LEIA TAMBÉM:

Entre tapas e beijos está nascendo um novo Atlético

Atlético anuncia novo patrocinador

Balbuena, Santos Borré e Róger Guedes: dirigente fala sobre trio desejado pela torcida atleticana

Naming Rights: Atlético em fase final de projeto para tornar Cidade do Galo em ponto Turístico

E essa regularidade vai chamando a atenção do futebol Europeu. Segundo o jornal Record, de Portugal, o nome de Guilherme Arana está na mesa do Benfica e é avaliado pela diretoria.

O clube português já pensa em uma reposição na posição considerada barata, uma vez que o Barcelona mira a contratação do Espanhol Alejandro Grimaldo (cerca de € 20 milhões de euros) e a Lazio pretende contratar Nuno Tavares (cerca de € 15 milhões de euros).

Outro nome que surgiu na pauta do Benfica é o do português Rúben Vinagre, que pertence ao Wolverhampton e estava emprestado ao Famalicão. Vinagre também desperta o interesse de três ingleses: Southampton, Newcastle e Brighton.

Guilherme Arana chegou na Cidade do Galo após negociação frustrada com Victor Luís, então no Palmeiras. O Galo desembolsou cerca de € 2,5 milhões de euros pelo empréstimo do atleta e pagou outros € 500 mil euros pela aquisição de 50% dos direitos do jogador.

Segundo André Cury, ao portal GE, a negociação do lateral foi da seguinte forma. 50% fixados em € 3 milhões de euros (€ 2,5 milhões pelo empréstimo + € 500 mil pela aquisição) e os outros 40% estão fixados em € 2 milhões de euros. Com isso, 90% dos direitos do lateral custará aos cofres do Galo cerca de € 5 milhões de euros.