De olho no topo da tabela, Galo recebe o Fluminense e só pensa na vitória

 

 

Por Léo Siqueira / Revisado por Ruth Martins 

Depois de uma bela vitória pra cima do Cruzeiro na rodada anterior, o Galo receberá o Fluminense, às 21h deste sábado, na Arena Independência, em jogo válido pela décima quarta rodada do Campeonato Brasileiro. Atualmente o time ocupa a quarta posição, com 24 pontos, e uma vitória combinada com derrota ou empate do Flamengo, o colocará na terceira posição. Já o Fluminense está em décimo sexto no campeonato e tenta se afastar da zona de rebaixamento.

O Fluminense, do técnico Fernando Diniz, preza por um futebol de valorização da posse de bola. É uma equipe que evita dar chutão e que costuma iniciar as jogadas na defesa, até encontrar espaços para chegar ao ataque. Esse time é perigoso e conta com o faro de gol do Pedro e com a velocidade de Yony González, atleta que o Galo tem interesse na contratação para 2020.

Na armação, a equipe conta com Paulo Henrique Ganso, com Nenê, que vem figurando no banco de reservas, além do garoto João Pedro, que volta a ser relacionado depois de um tempo fora para se tratar de uma entorse no tornozelo direito.

No Galo, o atacante Ricardo Oliveira vive um jejum de gols, mas dá a receita para vencer o tricolor carioca: “Nossa postura tem que ser agressiva. Não pode ser diferente. Dentro do Horto é o que o nosso torcedor pede. É o que a gente sabe que precisa fazer. Colocar essa vontade de pressionar os adversários, que não podem se sentir à vontade para jogar quando nos enfrentam no Horto”.

 

O técnico Rodrigo Santana terá o desfalque do volante Jair. O atleta, que vem em constante ascensão e virou dono da posição, sentiu desgaste muscular no adutor da coxa direita. O paraguaio Ramon Martinez será o seu substituto. Com exceção dessa mudança, a equipe deve ser a mesma que enfrentou o rival na última rodada.

 

VEJA TAMBÉM

Democracia dissimulada e o silêncio dos excluídos

 

Quando os números enganam

Acredito que teremos um bom jogo nos embalos de sábado à noite. O Fluminense é uma equipe com muitos jogadores jovens e, mesmo que lhe falte algumas peças de qualidade, deverá dar muito trabalho. Já o Galo joga diante da sua torcida. A Massa tem sido, como de costume, o décimo segundo jogador e vem embalando o time nas vitórias.

O Galo precisa entrar atento, jogar com muita intensidade e matar o jogo o quanto antes para que no final da partida não sofra. Sem essa de marcar um gol, sentar no resultado e ficar se defendendo, a não ser que a partida já esteja no final e seja necessário retrancar para assegurar a vitória. Tudo que o Fluminense quer é a bola no ataque e com espaço para criar. Provavelmente vão ficar trocando passes até encontrar os espaços. Cabe ao Galo uma marcação forte, pressão na saída de bola e paciência para fazer o gol. Que venha mais um grande triunfo para prosseguirmos na “caça” aos líderes da competição. Vai pra cima deles Galo!

 

Ficha técnica: Atlético x Fluminense
Motivo: 14ª rodada do Brasileirã
Local: Arena Independência, em Belo Horizonte.
Data e horário: 10/08/2019, às 21h.
Arbitro: Wilton Pereira Sampaio.
Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva e Bruno Raphael Pires.

Atlético: Cleiton; Patric, Igor Rabello, Réver e Fábio Santos; Ramón Martínez, Elias, Vinicius, Cazares e Chará; Ricardo Oliveira. Técnico: Rodrigo Santana.

Fluminense: Muriel; Igor Julião, Nino, Digão e Caio Henrique; Allan, Daniel e Ganso; Yony González, Marcos Paulo e Pedro. Técnico: Fernando Diniz.

 

Siga nossas redes sociais, estamos no YouTube, no Facebook, no Twitter e no Instagram.