Clube Atlético Mineiro: o maior de Minas completa 112 anos - FalaGalo

Clube Atlético Mineiro: o maior de Minas completa 112 anos

 

Vinicius Brioschi
25/03/2020 – 00h01
Clique e siga nosso Instagram
Clique e siga nosso Twitter
Clique e siga nosso YouTube

Clique e siga nosso Facebook

 

GRUPO DE NOTÍCIAS DO FALA GALO, CLIQUE AQUI:

No dia 25 de março de 1908 alguns estudantes com as melhores ideias que já tiveram em sua vida inteira fundaram o clube chamado Clube Atlético Mineiro, que nunca mudou de cor ou de escudo durantes seus anos. Tivemos sempre as mesmas cores, a mesma paixão que aqueles jovens pôs para nós, passando de geração a geração até chegar nos milhões que somos hoje.

CAM, o que este clube nos representa? Uma religião? Uma seita? Um amor? Uma paixão? Tudo isso! Os torcedores de outros times podem estar lendo este texto e podem estar pensando esse cara é doido, esse cara é maluco, mas não sabem o que e ser Galo Doido, ter o Galo na veia. O Galo para nós torcedores é o pai que chega para o filho e fala igual o Padre no casamento, na alegria e na tristeza, na saúde e na doença e estamos com o Galo em todos esses. Sabe porquê? Porque não somos simpatizantes, somos diferenciados, somos apaixonados. Em nossas veias não se corre o sangue vermelho de forma alguma, se corre preto e branco. Nosso coração é preto e branco nossa vida é preta e branca.

É Galo, depois de 2000 e 2005, daquelas tragédias, eu aprendi o que é ser atleticano de verdade, chorar, ser feliz e tudo por causa de você, e fui aprendendo nesses 112 anos de sua existência e 24 da minha o que é ser Galo Doido, o que é ser Atleticano não só de corpo mas também de alma, pois um dia o corpo vai embora, mas a alma é eterna.

Parabéns Clube Atlético Mineiro, parabéns pela sua existência e me fazer feliz. Infelizmente não estamos tendo jogos, mas vejo reprise principalmente de 2013 no qual choro toda vez que vejo e 2014 final Copa do Brasil toda vez rio e choro também. Ê Galo, quanta falta você faz, volta logo não da para viver sem você CAM. Já dizia Beth Carvalho: “chora, pode chorar chegou a hora vais me pagar. Sabe que isso significa? Que nós te amamos e nunca te abandonaremos”.

Esse trecho irei finalizar com o maior atleticano já vi em minha vida e escutei meus tios, primos e principal culpado de me fazer doente por você galo meu pai, grande Roberto Drummond: “Se houver uma camisa preta e branca pendurada no varal durante uma tempestade, o atleticano torce contra o vento. Ah o que é ser atleticano? É uma doença? Doidiviana paixão? Uma religião pagã? Benção dos céus? É a sorte grande? O primeiro e único mandamento do atleticano é ser fiel e amar o Galo sobre todas as coisas”. Com esta frase me despeço de vocês e faço essa homenagem ao galo. EU TE AMO GALO, PARABÉNS CLUBE ATLÉTICO MINEIRO PELOS 112 ANOS.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *