Cleiton: vender ou não vender? - FalaGalo

Cleiton: vender ou não vender?

 

Samira Silva
17/01/2020 – 20h20
Clique e siga nosso Instagram
Clique e siga nosso Twitter
Clique e siga nosso YouTube

A torcedora Samira Silva deixou sua opinião sobre uma possível negociação do jovem goleiro atleticano.

O Red Bull Bragantino vem sondando o goleiro Cleiton há bastante tempo. Em dezembro o clube apresentou uma proposta inicial pela qual o Galo não aceitou. Porém na última quarta-feira (14), uma nova oferta balançou os dirigentes do Atlético. O time do interior paulista fez uma proposta para comprar 70% dos direitos econômicos do jogador, que pertencem ao Galo. A proposta subiu de € 2,5 milhões de euros (R$ 11,5 milhões), para € 5 milhões de euros (cerca de R$ 23 milhões).

Após uma “travada”, a negociação voltou a andar e deve ser finalizada na próxima semana.

Caso a transferência se confirme, poderá ser algo bem prejudicial ao alvinegro de Belo Horizonte. Além da questão financeira, deve-se considerar o fato de que Cleiton vem sendo um excelente substituto para o camisa 1, Victor.

Ter um atleta de qualidade e eficiência ao redor das traves é um trunfo para qualquer equipe. Não é atoa que a chegada de Victor no clube em 2012 foi muito comemorada. Finalmente alguém para preencher essa lacuna, que estava carente a algum tempo no time de Lourdes.

Responsável por defesas determinantes para a conquista de títulos, São Victor passava por uma queda brusca de rendimento, possivelmente seu pior momento desde que chegara a equipe. Ao sofrer uma lesão em meados de julho do ano passado, o arqueiro que era titular absoluto, foi substituído por Cleiton. Desde a sua chegada, nenhum reserva havia emendando uma grande sequência de jogos como titular do grupo.

Bastante questionado no início, Cleiton cumpriu muito bem o seu papel defendendo o gol alvinegro. Após ele assumir a titularidade, o Atlético passou a sofrer menos gols, e por consequência o jovem goleiro conquistou a confiança de seus companheiros e da torcida preta e branca, conhecida por ser exigente.

A boa sequência de Cleiton, atribuídas a má fase em que o camisa 1 passava, fizeram com que a titularidade do gol atleticano fosse questionada. As opiniões sobre quem deve ter a titularidade são bem divididas. Jornalistas e comentaristas esportivos já consideram Cleiton como opção segura na escalação titular do time. Mas em situações assim, é de costume seguir uma hierarquia, e o legado deixado por Victor é inquestionável nesse quesito.

Tendo em vista os grandes e longos campeonatos a serem disputados pelo clube nesta temporada, a possível negociação de Cleiton não tem sido vista com bons olhos por muitos torcedores. Ter dois excelentes atletas de alto nível disponíveis para ocupar a posição, deixaria o Atlético em posição bastante confortável para disputar o Brasileirão, a Copa do Brasil e a Sul-Americana.

Todas as questões citadas fazem com que essa possível venda não seja bem vista por diversos ângulos. A saída de Cleiton deixa o Galo em situação vulnerável. Tendo em vista que o terceiro goleiro da equipe, Michael, também vem de uma lesão recente. O contrato de Wilson, que veio do Coritiba, foi apenas para repor falta de Victor, e terminou no fim de 2019. O goleiro Fernando Caixeta que o ocupa a quarta posição no elenco, ainda não foi utilizado na equipe principal, devido sua falta de experiência.

Diante de todos os compromissos que o clube tem para 2020, é importante se atentar a essas questões, para suprir todas as posições e não sofrer ao longo da temporada.

E você torcedor atleticano, qual a sua opinião? Victor deve voltar ao gol alvinegro ou Cleiton deve dar continuidade ao trabalho?

10 comentários em “Cleiton: vender ou não vender?

  • 17 de janeiro de 2020 em 22:22
    Permalink

    Essa é fácil.
    Victor foi o melhor de todos os tempos mas está velho e não é mais o mesmo.
    Cleiton além de bem mais novo mostrou que é um baita goleiro. Não podemos nos esquecer da velha máxima: um grande time começa com um grande goleiro.
    Vender Cleiton seria mais uma das muitas burrices dessa diretoria.

    Resposta
  • 17 de janeiro de 2020 em 23:22
    Permalink

    se vender o Cleiton estamos lixados .só se for para contratar outro goleiro que chegue para ser titular. Victor já é passado. mas a diretoria compra caro e dá de graça para outros clubes. pelo menos a cláusula 20 milhões de euros assim disse o presidente mas não duvido que vendem por menos.

    Resposta
  • 18 de janeiro de 2020 em 08:19
    Permalink

    Goleiro de qualidade não se vende. É uma posição fundamental em um time de futebol. O galo custa a revelar jogador e quando revela, vende barato!

    Resposta
  • 18 de janeiro de 2020 em 10:20
    Permalink

    Acho besteira vender o Cleiton agora na minha opinião segurava a venda mais um pouco porque se a seleção for bem no pré olímpico irá valorizar muito o passe

    Resposta
  • 18 de janeiro de 2020 em 12:50
    Permalink

    Infelizmente é a cara da diretoria nada inteligente do Galo: vender jovens promessas e comprar burros velhos!

    Resposta
  • 18 de janeiro de 2020 em 13:44
    Permalink

    Será que é só eu que comento e gosto do futebol do Gustagol do Corinthians ? Futebol muito parecido com o do Jô .

    Resposta
  • 18 de janeiro de 2020 em 15:29
    Permalink

    SE VENDER VAI ARRUMAR OUTRO ONDE.
    ÚLTIMO DA BASE DO GALO FOI JOÃO LEITE A MIL ANOS ATRÁS.
    DEIXA O CLEITON NO GALO ATRÁS DE UM GRANDE TIME TEM UM GRANDE. GOLEIRO E O CARA PROVOU QUE E O MELHOR ATUALMENTE E VAI MELHORAR MAIS E SÓ A ZAGA AJUDAR.

    Resposta
  • 18 de janeiro de 2020 em 16:21
    Permalink

    Acho que , o galo tem que se livrar o mais rápido possível são: Victor, Rever, Martinez , Hernandez, Bolt, Zé welersson, Ricardo Oliveira,DI santo,mais alguns, agora, Clayton,patric, Gabriel, , Juninho, Blanco, Jair, esses não,aí é sacanagem né!

    Resposta
  • 18 de janeiro de 2020 em 19:30
    Permalink

    Vende o Cleyton , aproveita e vende o
    Jair também, e no final do ano vamos substituir o cruzeiro na série B.
    O Cleyton é o melhor goleiro do Brasil e só o Redbul viu isto .
    Com este planejamento de vender jovens nós vamos ficar só com uma libertadores e uma copa Brasil , esqueci vai fazer 50 anos que nós ganhamos o brasileiro.
    Vende o Cleyton e até nunca mais ,
    Burros .

    Resposta
  • 18 de janeiro de 2020 em 22:26
    Permalink

    Não deve vender.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *