Camisa 9 não é prioridade, mas deveria ser! - FalaGalo

Camisa 9 não é prioridade, mas deveria ser!

 

 

Rodolfo Simões
Do Fala Galo
16/01/2020 – 07h12
Clique e siga nosso Instagram
Clique e siga nosso Twitter
Clique e siga nosso YouTube

Em 2019, os centroavantes do Atlético acumularam marcas negativas. Após um bom início de ano, com Alerrandro fazendo 8 gols em 9 partidas no Campeonato Mineiro. Na Pré-Libertadores, Ricardo Oliveira foi fundamental nos dois duelos contra o Danúbio, pela segunda fase da Pré Libertadores, quando marcou 4 dos 5 gols do confronto. Além disso, o Pastor contribuiu com 7 gols no estadual.

Contudo, a partir do mês de abril, ainda sob o comando de Levir Culpi, as coisas pararam de funcionar. O Pastor fez apenas 1 gol na fase de grupos, já Alerrandro não era testado devido a pouca idade. Apesar disso, o jovem de 19 anos, ainda fez os dois gols na vitória por 2×1 sobre o Zamora, na última rodada da fase de grupos. O resultado que garantiu o alvinegro na Sul-Americana. Depois disso, o 9 da base do Galo ainda balançou as redes contra o Union La Calera, com a vitória por 1×0 no tempo normal, a partida foi para os pênaltis e o Galo venceu por 3×0,com grande atuação de Victor.

No campeonato brasileiro, Ricardo Oliveira fez dois gols em 21 jogos. Na primeira rodada contra o Avaí e na décima terceira contra o Fluminense. Alerrandro também fez 2 gols, mas em 10 jogos. Contra Santos e São Paulo, na oitava e nona rodada respectivamente. Nesse momento já estava claro a necessidade de buscar um novo centroavante para o setor ofensivo. As duas peças do elenco não conseguiam corresponder. Ricardo não conseguia participar do jogo de forma efetiva e Alerrandro ainda não estava pronto.

Di Santo, de 30 anos, foi apresentado em agosto. O argentino que acumula passagens por clubes europeus chegou ao Atlético com 59 gols marcados na carreira. Mesmo com números inexpressivo, a diretoria incumbiu ao jogador a responsabilidade de ser o artilheiro do time. Pois bem, em 23 aparições, Di Santo fez 4 gols. Três pelo brasileirão e um na Sul-americana.

No Brasileirão os centroavantes não marcaram gols em 31° das 38° rodadas. Os maiores jejuns foram de 7 jogos, entre a primeira e a oitava rodada e depois, entre a vigésima quinta e a trigésima segunda rodada.

Em 2020, apenas dois nomes foram especulados. Jan Hurtado, atualmente no Boca Juniors. O venezuelano que trabalhou com Dudamel na seleção, fez 2 gols em 18 partidas pela equipe argentina. O alvinegro também tentou o empréstimo de Deyverson que fez um 2019 bem abaixo. Segundo o Footsats, o camisa 16 do Palmeiras foi o jogador que mais vezes foi flagrado em impedimento (21) e também registrou o pior índice de acertos nos passes (67%) no brasileirão. Por outro lado, em 2018, o Deyverson fechou com a competição com um gol a cada 3, 9 chutes. Números que garantiram ao jogador o melhor aproveitamento nessa estatística 57%. Não vou avaliar os jogadores em questão, mas indicam um perfil de camisa 9. Jogadores com mais mobilidade, que tenha força física e que consigam reter a bola no campo de ataque. Partindo do pressuposto de que o clube conta com o aporte de investidores concentrariam os esforços na busca por um jogador que consiga contribuir com mais de 20 gols na temporada.

E aí, Massa! Quem você gostaria de ver com a 9 do Galo?

 

Últimas informações sobre Guilherme Arana, Peñaranda e Cleiton

18 comentários em “Camisa 9 não é prioridade, mas deveria ser!

  • 16 de janeiro de 2020 em 10:06
    Permalink

    Quando o FG volta a nos informar sobre o andamento das obras do estadio. Poderia ser feita uma programação semanal. Nos que moramos fora de BH gostaríamos de saber sobre o andamento das obras. abraços a todos e viva o GALO

    Resposta
  • 16 de janeiro de 2020 em 10:12
    Permalink

    quando o GV voltara a informar sobre o andamento das obras do estadio, nos que moramos fora de BH gostaríamos de ser informados sobre o andamento das obras.
    Obrigado pela atenção e viva o GALO

    Resposta
  • 16 de janeiro de 2020 em 10:15
    Permalink

    Mais um vez vamos ver o Ricardo Oliveira enganado fazendo os golzinhos no Mineiro e nos fazendo raiva perdendo caminhões de gols no Brasileiro e Sul Americana.
    Sem contar o Di Santo que tem menos gols que o Rogério Ceni e não consegue dominar uma bola.
    Deveria contratar um camisa 9 urgente!!! Espero que o Dudamel veja isso e dê o grito.

    Resposta
  • 16 de janeiro de 2020 em 11:38
    Permalink

    O Everaldo da Chape e o Gilberto no Bahia fizeram bom campeonato, não sei se seriam solução, mas com certeza são jogadores melhores dos que estão ai de centro avante e não devem ser caros, se ainda não foram negociados. Mas o que se percebe é que a preferencia é para jovens, dai, o calebe da taça São Paulo pode ter oportunidade.

    Resposta
  • 16 de janeiro de 2020 em 11:48
    Permalink

    Com um meio campo criativo e dois jogadores de beirada bons o Ricardo Oliveira resolvi

    Resposta
  • 16 de janeiro de 2020 em 12:28
    Permalink

    é claro que é prioridade. chega do pastor pipoqueiro. do dia santo peladeiro. aliás se não vier um lateral esquerdo esquece títulos. aff

    Resposta
  • 16 de janeiro de 2020 em 12:46
    Permalink

    Estrangeiro, eu gostaria de ver o venezuelano Aresteguieta! No Brasil são poucos os que podem dar certo no Galo, como: Everaldo, o Tardelli (caro porém) o Neílton, o Lucca, o Nilmar seria ótimo (Se ainda jogasse) o Calebe do sub 20 faz gols, mas é meia né…

    Resposta
  • 16 de janeiro de 2020 em 14:09
    Permalink

    Tardelii SIM! Obviamente, com salário compatível com seu atual momento. Deyverson NUNCA!!

    Resposta
    • 16 de janeiro de 2020 em 18:20
      Permalink

      Barros, respeito sua opinião, mas acho que o NOSSO GALO tem que contratar jogadores novos 22 até 26 anos que tenham futuro em negociações. Chega de jogadores com altos salários e em final de carreira, sem valor de mercado.”Deyverson NUNCA!! “

      Resposta
  • 16 de janeiro de 2020 em 16:31
    Permalink

    Na minha opinião, o cazares não é o craque do brasileiro devido ao problema dos 9s. O tanto de gol que ele entregou de bandeja, é brincadeira! Precisa de alguém de qualidade, que não perca gols. Roger guedes seria uma boa pra mim, se não fosse o alto salário.

    Resposta
  • 16 de janeiro de 2020 em 18:33
    Permalink

    Fala Ricardo, vc tá certo em querer um time mais jovem, que é o que o nosso GALO está fazendo, mas acho que cabe um ou outro jogador mais experiente, até pra segurar o ímpeto da molecada. Mas sou a favor do Tardelli em condições interessantes pro GALO, nada de pagar um milhão por mês prum cara de 35 anos. Ele tem que entender que não está mais no auge da carreira. Deyverson ao que me parece, fechou com um time da espanha (ainda bem!), eu tava com medo desse bonde desembarcar por aqui. Abço. SAN

    Resposta
  • 16 de janeiro de 2020 em 20:21
    Permalink

    Abraço a todos Tardelli nasceu pra jogar no Galo vai fazer muitos gols pra nós paga 400 mil de salário duas temporadas e Dale Galo

    Resposta
  • 16 de janeiro de 2020 em 21:19
    Permalink

    Pessoal deixem de serem passionais e vejam as coisas de forma técnica.as vezes a zaga foi mal,mas devido a fragilidade das laterais e dos volantes,ou seja, obrigatoriamente não significa que o zagueiro seja ruim,ele apenas jogou sem cobertura.a mesma regra se aplica ao atacante,que joga isolado,sem um homem de criação,sem aproximação de volantes que sabem sair pro jogo,e com laterais que não sabem cruzar uma bola com perfeição.e duro para um nove conviver com a preguiça do cazares na criação de jogadas,ter que tabelar com Elias e José wellisson,e receber cruzamentos de Fábio Santos,assim nem Lucas Pratto vai fazer gols.

    Resposta
  • 16 de janeiro de 2020 em 22:34
    Permalink

    Não adianta querer um time só de jovens. O que não dá é pra ter 5 jogadores com mais de trinta e dois anos, como no ano passado. Acho que tardelli, se diminuir muito a pedida, seria sim uma ótima opção.

    Resposta
  • 17 de janeiro de 2020 em 10:10
    Permalink

    Acho que essa diretoria é maluca, dispensa um goleiro de menos de 25 anos, campeão olimpico, formado na base, saiu de graça, gostaria de ter uma explicação descente para a saida do Uilson para o Coimbra de graça! Agora diz que esta atras de um goleiro, pensou em Wanderley do Santos, o cara tem mais de 30 anos! Qual é o critério usado para mandar embora um prata da casa promissor e ir atras de uma velharia! Alguém pode me responder?

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *