Para distanciar do Z4: Atlético encara Bahia em queda livre no Brasileirão

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

 

 

Regiana Santos
Do Fala Galo, em Itabirito-MG
27/11/2019 – 07h

Depois da derrota em casa no último domingo (24) por 1 a 0, contra a equipe do Athletico Paranaense, o Galo volta a campo em busca de alívio e dos três pontos. Nesta quarta-feira (27), pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Atlético joga na Arena Fonte Nova contra o Bahia. Mesmo longe do apoio da massa, o Galo precisa ir com tudo para se livrar de vez do risco de queda.

A equipe baiana vem de uma derrota fora de casa por 4 a 3, contra a equipe do Goiás no último domingo (24). O tricolor baiano está há oito rodadas sem vencer e está ficando mais distante de uma vaga na Copa Libertadores. Para este confronto, o técnico Roger Machado não poderá contar com o lateral-direito João Pedro e o meia Alejandro Guerra, suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Diante desses desfalques, o treinador deverá promover a volta de Nino Paraíba, que não atua como titular desde a partida contra o Flamengo, e do meio-campista Flávio, garoto da base de 23 anos. O time também pode ganhar mais dois reforços; o comandante do Bahia poderá contar com Artur, que se recupera de dores na coxa e desfalcou a equipe contra o Goiás neste domingo, e Marco Antônio, que não atua desde o empate em 1 a 1 contra a Chapecoense, na Arena Fonte Nova, pela 31ª rodada.

Depois de mais um tropeço em casa, o Atlético viaja para a capital baiana com seu objetivo traçado: vencer e alcançar os 44 pontos. O técnico Vagner Mancini afirma não ter uma equipe definida, já que as suspensões, convocações e lesões são fatores que contribuíram muito para as várias mudanças no time titular. Sem Zé Welison, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o técnico alvinegro terá a volta do volante Jair, que desfalcou a equipe na derrota por 1 a 0 na última rodada. Assim como Jair, Réver e Igor Rabello voltam à zaga após cumprirem suspensão na rodada anterior. O colombiano Chará foi liberado pelo departamento médico do clube, mas não foi relacionado para partida.

Só a vitória importa, tanto para o Bahia quanto para o Atlético. O tricolor em busca de uma vaga na Libertadores e o Galo querendo se afastar de vez da zona de rebaixamento. Na raça, o alvinegro tentará superar suas dificuldades a fim de trazer um resultado positivo.

Bahia x Atlético 

Motivo: 35ª rodada Campeonato Brasileiro
Local: Arena Fonte Nova, Salvador BA
Data e Hora: 27/11/2019, às 21h

Árbitro: Thiago Duarte Peixoto – SP (CBF)
Árbitro Assistente 1: Daniel Luis Marques – SP (CBF)
Árbitro Assistente 2: Daniel Paulo Ziolli – SP (CBF)
Quarto Árbitro: Marielson Alves Silva – BA (CBF)
Árbitro de Vídeo: José Cláudio Rocha Filho – SP (CBF)
Assistente de Árbitro de Vídeo 1: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza – PB (CBF)
Assistente de Árbitro de Vídeo 2: Herman Brumel Vani – SP (CBF)
Observador de VAR: Manoel Serapiao Filho – BA (CBF)

 

 

GOSTOU? Siga nossas redes sociais. Clique nos links abaixo e fique por dentro dos bastidores do Atlético.

Facebook: facebook.com.br/falagalo13
Instagram: instagram.com.br/falagalo13
YouTube: youtube.com.br/falagalo13
Twitter: twitter.com.br/falagalo13
Site: falagalo.com.br
Edição: Jéssica Silva
Edição de imagem: André Cantini 
Edição de texto: Angel Baldo

Angel Baldo

Mineiro de nascença, mas Paulista de criação. 30 anos, Administrador e Engenheiro Mecânico. Atualmente residindo na cidade de Uberlândia.

4 comentários em “Para distanciar do Z4: Atlético encara Bahia em queda livre no Brasileirão

  • 27 de novembro de 2019 em 09:50
    Permalink

    Bom dia! Para mim vai ser uma surpresa e grata, se o Galo vencer o Bahia hoje!

    Resposta
  • 27 de novembro de 2019 em 10:55
    Permalink

    Raça este time não tem. Vitória será surpresa. O galo vai ressuscitar mais um defunto.

    Resposta
  • 27 de novembro de 2019 em 15:21
    Permalink

    se perder estamos na porta da degola. não acredito na Vitória destes peladeiros e ex jogadores que andam a mamar no galo. se ganhar é um milagre. acreditar nesta zaga furada. laterais de várzea. ataque não existe. vergonha ok sinto desta diretoria amadora e estes amontoados de peladeiros. aff

    Resposta
  • 28 de novembro de 2019 em 08:19
    Permalink

    Bom dia amigos. A lista de dispensa tem que começar pela diretoria que é formada por incompetentes. Como que dois laterais tão ruins se mantêm como titular no NOSSO GALO durante anos? É só vexame, o torcedor já não aguenta mais.

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *