O clássico visto do interior

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

 

 

Por Doutor Rafael Gusmão

É hoje… Atlético x Cruzeiro pelas quartas da Copa Brasil. E daí? O que isso influencia a vida de uma cidade no interior? O que ou quanto mexe com um morador de uma cidade do interior?

Pois bem, saibam vocês que aqui em Teófilo Otoni apesar dos quase 500 km que nos separam da capital, desde segunda-feira a cidade respira o clássico.

Todas as rodinhas nas praças, resenhas nas famosas peladas dos clubes, tudo gira em torno do clássico.
Apostas feitas, churrascos combinados, bares utilizando o grande evento para atrair seu público.

Eu, particularmente, só saio trajado adequadamente, mesmo tendo a necessidade do traje forense, este será alvinegro. Respiro o GALO normalmente e hoje, vixeeee, ansioso, desde as 06 da madruga, para chegar a noite, extravazar a adrenalina acumulada, matar a saudade do Galo e vibrar muito com tudo, desde o aquecimento, entra do time em campo, como se no estádio tivesse.

Vencendo ou até mesmo dando zebra, só dormir no amanhecer do outro dia, sempre pensando e querendo comentar, argumentar cada lance. Sim, somos fanáticos TAMBÉM!!!

Enfim tcho tcho, hoje, respira o clássico e… existe sim ATLETICANO no interior!

Vamuuuu GALO!!

 

REFORÇOS, FUTEBOL DE BASE, CLÁSSICO, FUTEBOL FEMININO

 

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS E FIQUE POR DENTRO DOS BASTIDORES DO ATLÉTICO
Instagram: instagram.com.br/falagalo13
Facebook: facebook.com.br/falagalo13
Twitter: twitter.com.br/falagalo13
Youtube: youtube.com.br/falagalo13

Angel Baldo

Mineiro de nascença, mas Paulista de criação. 30 anos, Administrador e Engenheiro Mecânico. Atualmente residindo na cidade de Uberlândia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *