Rotina nova: Victor comenta sobre adaptações dentro e fora do universo do futebol - FalaGalo

Rotina nova: Victor comenta sobre adaptações dentro e fora do universo do futebol

Foto: Bruno Cantini

 

Catharina Tomazzi
21/05/2020 – 14h25
Clique e siga nosso Instagram
Clique e siga nosso Twitter
Clique e siga nosso YouTube

Clique e siga nosso Facebook

Após 62 dias longe da Cidade do Galo, os treinos do time foram retomados. Antes disso, os jogadores passaram por período de trabalho remoto, mantendo as atividades físicas necessárias e recomendadas pelos preparadores. Victor descreveu o momento como um “período bastante difícil” em que foi preciso adaptação.

 “A gente teve que se reinventar, teve que improvisar. Infelizmente fez parte da nossa rotina de trabalho isso, não estávamos de férias. Então, dentro de casa, a gente teve que seguir as recomendações que o pessoal da preparação física passou, sugestões de trabalho dentro das nossas possibilidades, para que nós chegássemos na apresentação em uma condição física, se não a ideal, razoável para que a gente pudesse dar início aos trabalhos em campo, desde o primeiro dia”.

Além da adaptação ao trabalho, Victor comentou sobre os cuidados com a higienização de alimentos vindos do supermercado, sua própria higiene em casa e também sobre as precauções dentro do CT. Os treinos agora são divididos em grupos, para evitar o máximo de contato com muitos jogadores. Para cada grupo há um goleiro: novidade, já que antes os goleiros treinavam todos juntos. A opinião de São Victor do Horto é de que a divisão deixou o momento “mais triste”, mas que é uma situação necessária.

Por fim, a nova rotina também está dentro do campo. Foi destacada, durante a entrevista, a forma de cobrança do técnico Sampaoli. O argentino quer que os goleiros saibam jogar com os pés e Victor afirma que essa especificidade não é nenhuma novidade para ele e o que é preciso é a automatização e o treinamento relacionados a isso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *