Não é o momento para Rodrigo Santana!

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

 

Por: Lucas Tanaka

 

Estamos no fim de abril, Campeonato Mineiro já acabou, Brasileirão está no início e também já é o final da fase de grupos da Libertadores.  Além disso, a Copa do Brasil está batendo na porta e ainda não temos um técnico, um time confiável e, de quebra, temos uma diretoria que vem colecionando uma trapalhada atrás da outra, sendo assim, não há uma boa perspectiva para a sequência da temporada. É preocupante a situação em que nos encontramos.

Depois de dois “nãos” (Tiago Nunes e Rogério Ceni)  e algumas consultas que não tiveram sequência (Sampaoli e Jorge Jesus), vi alguns torcedores comentando sobre a possibilidade da efetivação do Rodrigo Santana e até mesmo alguns jogadores falando sobre o assunto, dando suas opiniões sobre o que achariam caso fosse feita a efetivação. Elias e Luan se mostraram a favor, assim como foram a favor da efetivação de Thiago Larghi.

Pois bem, a opinião deste que vos escreve é que não é o momento para a efetivação do Rodrigo. Por que penso assim? Nada contra o profissional Rodrigo Santana, muito pelo contrário. Acredito que ele será um grande técnico, um dos melhores do Brasil. É um cara que estudou e estuda para isso, se mantém atualizado, e não é o famoso “distribuidor de coletes”. Traz vídeos juntamente com a sua comissão para os jogadores antes dos jogos, estuda os adversários e tem um ótimo “tato” para lidar com os jogadores, fazendo bem a gestão de pessoas. Mas por que não é o momento para ele mostrar seu potencial em um time de ponta?

Penso que no Galo, que é uma máquina de demitir treinadores, ele não terá tempo e tranquilidade para trabalhar. Desde o fim de 2015 já passaram nove técnicos pelo Atlético, dando aproximadamente uma média de três técnicos por ano. Além de o clube ter essa característica, o momento atual em que estamos não é propício a um técnico com as características do Rodrigo Santana que é novo, sem passagens por grandes equipes, bem inexperiente mesmo. Além disso, temos um elenco que não é fácil de lidar, apesar de ele ser bom nessa área.

Ademais, com três ou quatro derrotas seguidas, tenho a convicção de que ele não resistiria e seria demitido, pois como já foi dito, as diretorias passadas e a atual não têm bancado técnico algum em períodos de crise. Rodrigo seria só mais um para aumentar a lista de técnicos passados por aqui desde o fim de 2015.

Outro motivo é a bagunça que está o Atlético, principalmente fora das quatro linhas. Ele não teria paz para trabalhar e impor sua filosofia de jogo. Há também a falta de consulta do Atlético com ele na hora de trazer reforços, a mesma situação que o próprio Thiago Larghi admitiu ter passado no Galo, já que alguns dos reforços que chegaram não foram aprovados por ele, não havendo nem mesmo uma consulta.

Com um técnico rodado, experiente e mais benquisto, com certeza essa situação não ocorreria e juntamente com o Rui Costa ele pediria os jogadores em quem tem confiança, aqueles que se encaixariam na sua ideia de jogo, algo que não acontecia com o Thiago aqui e não deverá acontecer com o Rodrigo, caso ele seja efetivado.

Tomando a decisão de efetivar o então técnico interino, o Galo estaria postergando uma definição de quem seria seu treinador, algo que pode ser decidido agora. A chance de o Rodrigo ser efetivado e lá por meados de julho e agosto ser demitido por conta de uma primeira crise e irmos mais uma vez ao mercado em busca de treinador é enorme.

O Galo não precisa ter pressa para escolher e contratar o técnico, mas não pode se acomodar, nem escolher o caminho mais fácil e barato mais uma vez e a possível efetivação do Rodrigo seria exatamente isso.

Que contratem um bom técnico, com ideias de jogo que possam municiá-lo para tal implemento e que tenham coragem e paciência para que no primeiro momento de instabilidade não corram com ele como correram com tantos outros até então.

 

Revisado por: Jéssica Silva.

 

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS

Facebook: fb.com/FalaGalo13

YouTube: youtube.com/FalaGalo13

Instagram: instagr.am/falagalo13

Twitter: twitter.com/Falagalo13/

Angel Baldo

Mineiro de nascença, mas Paulista de criação. 30 anos, Administrador e Engenheiro Mecânico. Atualmente residindo na cidade de Uberlândia.

22 comentários em “Não é o momento para Rodrigo Santana!

  • 30 de abril de 2019 em 08:24
    Permalink

    Eu investiria no Beccacece lembrando que o contrato dele vence agora em Junho, por tanto qual a dificuldade diretoria???
    Diretoria incompetente não consegue contratar nenhum técnico que preste e vive de improviso e elenco todo remendado e cheio de panelinha.
    Elenco cheio de PIPOQUEIROS como Elias, Fábio Santos, Cazares, Rircardo Oliveira que sempre somem em jogos grandes, não fazem nada em decisão onde mais precisamos deles, para quê jogador assim???
    JOGADORES CAROS QUE NÃO AJUDAM QUANDO MAIS PRECISAMOS NÃO SERVE!!!

    Resposta
    • 30 de abril de 2019 em 22:35
      Permalink

      Estou contigo; qualquer um que vier será uma aposta, simplesmente porque temos uma estrutura de incompetentes; portanto sou muito favorável a vinda do argentino.

      Resposta
  • 30 de abril de 2019 em 08:35
    Permalink

    Time fraco e desmotivado, jogadores velhos, diretoria sem a confiança dos torcedores, momento propício para renovação, torcida ciente que não é o técnico que resolverá os problemas do Atlético. Por todas essas razões, sou favorável à manutenção de Rodrigo Santana. Trazer outro técnico “experiente” somente trará mais despesas para o clube, uma vez que, com 5 ou 6 derrotas, o cara será demitido e se transformará em outro passivo trabalhista.

    Resposta
  • 30 de abril de 2019 em 08:38
    Permalink

    Bom dia! Vao contratar um novo Tecnico, las pela decima quinta rodada, quando o Galo estiver caindo pelas tabelas, e que morosidade para contratar e dispensar jogadores, quero saber o que estao fazendo la com Leandrinho, Bolt, Teranz, Nathan, Rea e outros que nao tem a menor capacidade de defender a gloriosa camisa do Galo? E os jovens da base? Nao tem oportunidades, e ainda renovam com o Leonardo Silva, que ja fez muito, mas agora nao tem mais condiçoes de jogar!

    Resposta
  • 30 de abril de 2019 em 09:54
    Permalink

    Comandados por Elias e Ricardo Oliveira , A PANELA dos Veteranos querem a manutenção de Rodrigo Santana. PORQUÊ??
    É CLARO , COM RODRIGO A FARRA CONTINUA , JÁ QUE O INEXPERIENTE TREINADOR NÃO TEM PULSO PARA SACAR ESSA PANELA DO TIME.
    OS VETERANOS É O PROBLEMA. COM ELES EM CAMPO , NEM GUARDIOLA DÁ JEITO NESSA DESORDEM E SERÁ DERRUBADO TAMBÉM.

    Resposta
  • 30 de abril de 2019 em 10:41
    Permalink

    Bom dia Lucas e demais atleticanos!

    Concordo totalmente com você, Lucas! Não é o momento para o Rodrigo Santana ser efetivado como técnico do galo, gostaria sim, de vê-lo na comissão técnica permanente, vivenciando o dia dia do galo e aprendendo como a banda toca nesta bagunça que está o galo hoje. Talvez o que vou dizer agora seja o maior dos absurdos, mas hoje gostaria de ver no galo o Luxemburgo, não por que ele seja o supra sumo dos técnicos, mas é o cara ideal para o momento terrível extra campo que estamos vivendo. É o cara ideal pra navegar nestas aguas turbulentas, estamos precisando de um cara pra porrada na mesa e por cada um no seu lugar. Cara pra peitar diretoria e jogador! Não estamos precisando hoje do que é bonito e organizado, estamos desesperadamente precisando de socorro. Se o galo não acordar, ele vai cair de novo para a segunda divisão.

    Resposta
    • 30 de abril de 2019 em 11:55
      Permalink

      É o cara ideal para rebaixar o time, como estava se encaminhando em 2010 e como ele fez em seu último trabalho no SPORT, ocasião em que, quando demitido, entregou o time no Z4. tem de ser muito masoquista. Se for para trazer medalhão, melhor buscar o Dorival jr.

      Resposta
    • 30 de abril de 2019 em 11:57
      Permalink

      Paulo, bom dia! O problema é que o Luxa tem uma comissão técnica gigante e quando chega a um clube traz uma barca enorme de jogadores. Quase caímos com ele em 2010.

      Resposta
      • 30 de abril de 2019 em 16:19
        Permalink

        Tragam o Luxa e um baralho. Ele joga truco muito bem.

        Resposta
  • 30 de abril de 2019 em 10:44
    Permalink

    Caros,
    De nada vai adiantar a discussão sobre entregador de camisas se ñ colocar o dedo na ferida. Nosso elenco ñ vale nada…querem mais prova? Ñ peçam isso, por favor. Eles são capazes. Atualmente os VELHACOS q nos envergonham em campo são quem ditam as regras dentro do CAM. Estamos sem governo, tal qual a Pátria Amada. SOS!
    GALO SEMPRE!

    Resposta
  • 30 de abril de 2019 em 11:35
    Permalink

    , após ver o “Conselho de Bananas Podres” aprovar um balanço com resultado ridículo e despesas injustificáveis, realmente está difícil ver futuro no Atlético, tanto que ninguém mais o aponta como favorito a nada e ainda projetam sua ida para a escala de time mediano a pequeno que não tardará em figurar-se apenas nas divisões inferiores do futebol brasileiro.
    É este o grande legado que esse bando de Conselheiros sem adjetivos positivos e a direção incompetente do Clube está deixando. No Atlético se instalou um grupo de verdugos da própria instituição que até se assemelha com o governo do PT, onde se esqueceu do pais e do povo para alimentar seu projeto de poder e interesses particulares.
    Hoje no Atlético a bagunça impera: não existe direção, não existe Conselho , não existe time e nem comissão técnica. A avacalhação com o Clube atingiu seu ápice e para selar sua contribuição cavalar o Conselho de bananas se comportar como um capacho a atual diretoria. que aprova incompetência, incompetente é mais ainda. Se os protestos dos torcedores não acentuar, o clube vai acabar- fora os gestores e conselheiros incompetentes. Chega!

    Resposta
  • 30 de abril de 2019 em 11:44
    Permalink

    Por que não contratam esse técnico argentino? Porque se ele tiver autonomia vai acabar com essa pouca vergonha que está o Galo e isso não interessa à diretoria, jogadores e empresários. Simples assim. No final vão acabar contratando um Celso Roth e aí estaremos lascados de vez!

    Resposta
  • 30 de abril de 2019 em 11:55
    Permalink

    Não é o momento do Santana, Não é o momento do Elias, do Cazares, Ricardo Oliveira, Fábio Santos o que eles estão fazendo no Galo ainda??
    Não é o momento de Renovar o contrato de mito Leo Silva 40 anos, enfim no Atlético o errado é que tá certo, só fazem cagada presidente e diretoria horríveis.

    Resposta
  • 30 de abril de 2019 em 13:09
    Permalink

    Boa tarde!

    Então quem seria o técnico para o atual momento que o Atlético esta vivendo?

    Resposta
  • 30 de abril de 2019 em 16:26
    Permalink

    Boa tarde massa. Para começar porque o Rui Costa foi contratado se ele não enxerga que tem afastar do elenco a podridão do time. São eles. Victor frangueiro. Fábio Santos. Elias. Cachazares eo pastor pipoqueiro. Se não fosse para resolver o problema do time então deixava o estágio do Marques. Aliás o Rodrigo Santana é outro pau mandado da Diretoria,empresários e estes amontoados de peladeiros. Não tem peito para cobrar e barrar este ex jogadores. Temos 2 jogos fora e para mim é derrota na certa. Não confio nesta diretoria. Estagiário de treinador e estes amontoados de peladeiros. Ainda falta 42 pontos e até lá vai ser muito sofrimento. Acorda diretoria amadora. Chega. Vai galooooooo.

    Resposta
  • 30 de abril de 2019 em 17:11
    Permalink

    Se o interino tivesse carta branca, peito e ousadia pra colocar a molecada, que ele tem a obrigação de conhecer, até daria pra apostar, mas não é o caso. Ele é pau mandado da diretoria, da quadrilha de jogadores que se instalou no Galo (Fábio Santos, Elias, Patric, Ricardo Oliveira). Tem um mistério no Galo. Alerrandro e Alessandro Vinícios vinham bem, além de Bruninho e Neto, mas não se sabe porque, os caras sumiram. A situação no Galo tá podre. O único conselheiro que não concordou em aprovar esse balanço ridículo, está sendo ameaçado de ser expulso. Será que é o coronel Kalil que está por trás disso?

    Resposta
  • 30 de abril de 2019 em 17:13
    Permalink

    Cadê o diretor de futebol? O cara não vai fazer nada? Não vai contratar treinador, lateral esquerdo, camisa 10, nada? Quanto ele ganha pra não fazer absolutamente nada? E o Marques, o que ele ainda faz no Galo, além de receber?

    Resposta
  • 30 de abril de 2019 em 17:28
    Permalink

    Toda empresa em qualquer área que atue; o seu sucesso depende da gestão. Nossa Diretoria é fraca. Acho que é bem intencionada mas não entende de futebol. Temos a torcida mais apaixonada do país, e infelizmente a diretoria não enxerga isto. Se fizerem um bom time terão retorno financeiro com certeza.

    Resposta

Deixe uma resposta para Paulo fernandes Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *