ARENA MRV – MINISTÉRIO PÚBLICO e DESPACHO REVISADO PBH

Por: Betinho Marques e Lucas Tanaka – @rmarques13 e @lucastanaka

 PBH

A DLAC (Diretoria de Licenciamento de Alta Complexidade), acaba de encaminhar um despacho datado em 26/02/2019, com uma revisão do último parecer técnico de pendências da ARENA MRV. O prazo anterior de 15 (quinze) foi para 60 (sessenta) dias. Mais tempo para sanar as pendências. No novo documento, são 20 pendências e/ou observações. Algumas atendidas, outras parcialmente atendidas e as que precisam de apreciação total. Contudo, não há barreiras intransponíveis ou sem solução.

O CEO da Arena MRV, Bruno Muzzi, afirmou mais cedo que por senso de urgência, quer dar celeridade ao processo: “Não queremos utilizar 60 (sessenta) dias. Desejamos acelerar para que consigamos entregar tudo e ir ao COMAM, se possível, em abril e ter a LP (Licença Prévia) o mais rápido possível para instalar o canteiro e o tapume. Todos os trâmites da Arena estão sendo executados dentro da lei e dos processos legais para o licenciamento do estádio. Estamos muito tranquilos, tudo caminha bem”

 

 

 

Ministério Público

 As situações mais relevantes na PBH referem-se às compensações ambientais e ao sistema viário que serão avaliadas pela BH Trans, as demais são legendas e ajustes de projeto. Na página do Fala Galo (falagalo.com.br), listamos os pontos relevantes do documento que será publicado ao longo do dia.

Entretanto, a grande preocupação que surgiu veio do Ministério Público na tarde do dia 26/02/2019. O Promotor de Meio Ambiente do MPMG (Ministério Público de Minas Gerais), Marco Antônio Borges, abriu procedimento na sexta-feira, 22/02/2019, para estudar (Procedimento Preparatório) uma possível sindicância sobre a construção do Estádio do Galo. Deseja-se investigar a “Construção de estádio de futebol de grande porte e dimensões do Clube Atlético Mineiro em região de APP (Área de Preservação Permanente no bairro Califórnia, nesta Capital”.

A equipe do Fala Galo, acrescenta ainda, que o procedimento do Ministério Público é comum a todo empreendimento deste porte (Procedimento Preparatório), pelos quais buscam os órgãos esclarecimentos sobre a legalidade do equipamento a ser instalado (ARENA).

Sendo assim,  ouviremos nos próximos dias os gestores da Arena sobre o procedimento aberto pelo MP e suas interferências. Ressaltamos ainda, que o licenciamento está em fase final e os últimos passos são: PBH e DAIA (Documento Autorizativo de Intervenção Ambiental). Ambos caminham em paralelo na esfera municipal e estadual, respectivamente. O outro passo importante foi obtido com a outorga da canalização do Córrego do Tejuco que passou pelo IGAM e CBH Rio das Velhas, recentemente em janeiro de 2019.

 

Para a torcida um recado importante: é hora de acompanhar tudo e todos. O estádio está com tudo avançando, mas o Atlético, se não é de alguns, incomoda e reflete em quase todos. Os palanques estão aí! Ao atleticano cabe escolher entre lamuriar ou …

… Lutar, lutar e lutar!

 

Galo, som, sol e sal é fundamental!

 

Sigam: @falagalo13

falagalo.com.br

58 comentários em “ARENA MRV – MINISTÉRIO PÚBLICO e DESPACHO REVISADO PBH

  • 27 de fevereiro de 2019 em 06:34
    Permalink

    Lamúrias nunca, sempre lutaremos e cabraremos a quem de direito, que o Palanque fique distante, bem distante do GALO.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 06:36
    Permalink

    Só acho que com tantas autoridades atleticanas. Poderiam interferir para o projeto da liberação saísse com menos tempo, temos prefeito Kalil, temos Castelar que hoje é da CBF, Porém neto do falecido desembargador Castelar, tem quase toda diretoria de juristas renomados. Essa burocracia não faz sentido. Mais paciência. Tudo no Galo é sofrido. Kalil poderia ser mais efetivo para libertação desta Licença prévia. Só acho. Ricardo Resende Advogado e Contador

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 06:42
    Permalink

    O estádio do Galo não será só a casa do nosso time. Será também a casa de todo torcedor alvinegro. E para tanto, todos que amam o Galo necessitam e devem colaborar na sua elaboração. Estamos juntos nessa empreitada. “Esse é o nosso ideal”. Afinal AQUI É GALO SEMPRE.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 07:01
    Permalink

    Cabe uma passeata, um tipo manifestação pacífica com a itenção de monstrar ou influênciar as autoridades que a torcida atleticana e a cidade de Belo Horizonte precisa da liberação desta obra?

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 07:20
    Permalink

    Bom dia!!

    Não esqueçam que existem autoridades em minas gerais de camisa azul, e elas não vão facilitar nada que faça nosso Galo Grande!!

    Vamos lutar e pesquisar estas pessoas!!!

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 07:24
    Permalink

    No que diz respeito à área de preservação permanente e sobre o córrego tejucopublicos?,não estaria havendo excesso de zelo dos órgãos

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 07:26
    Permalink

    Bom dia amigos do Galo. Uma coisa é certa, os dirigentes que andam fazendo previsões para o início das obras do estádio do Galo precisam se informar melhor.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 07:28
    Permalink

    Esta obra será de grande importância para a população ao entorno e poder ficar por dentro do andamento das obras é muito importante;
    Parabéns pela cobertura.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 07:40
    Permalink

    Se, no ministério público, tiver um cruzeirense doente, pode atrapalhar ?

    Resposta
    • 27 de fevereiro de 2019 em 08:18
      Permalink

      Provavelmente.
      Considerando a falta de pudor no ativismo político do MP, não divide que o façam por clubismo.

      Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 07:49
    Permalink

    SÓ ACREDITO VENDO, ESTE ESTÁDIO NÃO VAI SAIR DO PAPEL. PEQUE A GRANA QUE VAI CONSTRUIR ESTÁDIO E PAQUE AS DÍVIDAS?

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 08:02
    Permalink

    O Ministerio Público fazendo um grande trabalho em cima do novo Estadio. Agora, o que tem de mineradora em volta de BH! Eu acho que é tanta mineradora, que já deve ter um formulário padrão de liberação de obra. A burocracia deve ser bem menor.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 08:30
    Permalink

    Sem duvida pode ter certeza que tem Crizeirense no meio disto, so que ele esquecem que terão o mesmo problema.quando almejarem a contrição do seu. tambem este é um empreendimento bom não so para o Atlético sera bom para todo estado um profissional que usar a sua vaidade por rivalidade ao rival para embargar empreendimento que será vantajoso para milhares de pessoas tem que ser demitido de imediato, isto é antiético e corrupto porque se molhar a mão deles tenho certeza que a liberação sai rápido infelismente é o que move hoje o nosso pais o que manda é o interrese próprio.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 08:31
    Permalink

    as decisões da diretoria do Atletico tem que ser mais concretas e objetivos na de cobrança do ministério público

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 08:44
    Permalink

    Bom dia, depois falam que a Arena tá demorando. Com tantos entraves burocráticos quando se quer fazer tudo dentro da Lei é pra desanimar. Eu pergunto porque o MP não se preocupa com as ocupações irregulares no Anel, na 040, nas propriedades privadas que são invadidas e nas construções aos milhares sem alvarás. E mais importante onde estava o MP que não se preocupou nem com Mariana e Brumadinho? Já sei lá haviam vários politicos de acordo $$$$$$ com o que estava sendo feito. Se tivesse propina já tinha saído, lembram da Arena Curintias vide LULÃO?

    Resposta
    • 27 de fevereiro de 2019 em 10:18
      Permalink

      Não são entraves burocráticos, são entraves existentes na legislação que devem ser atendidos por todos. Se estiver de acordo com a legislação, a Arena vai sair.
      Mas agora te pergunto: é certo construir um estádio em cima de um córrego definido pela Lei federal como uma área de preservação permanente???

      Resposta
    • 27 de fevereiro de 2019 em 10:30
      Permalink

      Lu galo, mas estas questões que vc colocou não dão Ibope Ao longo dos anos, com exceção dos períodos anti eleições. Nada fora do normal.

      Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 09:39
    Permalink

    Se esta burocracia toda servir para deixar o estádio um lugar mais seguro e que não tenha problemas futuros com estrutura, acho que é muito bem vinda e o Galo tem que deixar tudo dentro dos devidos padrões. Que seja uma construção livre de corrupção. Melhor ser algo certo e demorado do que algo errado e rápido. Vamos Galoooo

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 09:45
    Permalink

    Vamos esperar os acontecimentos

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 09:46
    Permalink

    Espero que dê tudo certo

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 09:47
    Permalink

    Espero que dê tudo certo

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 09:52
    Permalink

    Acho o que está travando o começo das obras,e a inveja de alguns ,que e cruzeirenses e não querem liberar os documentos.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 10:24
    Permalink

    Não existe almoço grátis, tá explicado porquê a MRV doou um terreno daquele tamanho e tão bem localizado de mão beijada para o Galo.
    Se um estádio de futebol que é de utilidade pública ta difícil imagina se fosse construir prédios residenciais?
    Enfim a burocracia é grande mas vai sair, uma hora sai, enquanto isso o dinheiro vai engordando na conta.

    Resposta
    • 27 de fevereiro de 2019 em 10:58
      Permalink

      Existe um córrego que passa no meio do terreno. Não é burocracia!!!!! É LEI!
      UTILIDADE PÚBLICA??? Faz-me rir…

      Resposta
    • 27 de fevereiro de 2019 em 11:34
      Permalink

      Bom Dia,

      É isso Pablo, concordo plenamente, em outro post sobre este assunto eu disse exatamente isto.
      É um terreno que nunca seria utilizado pela MRV e só deveria onerar com os pagamentos de impostos, afinal eles são do ramo e sabem muito melhor dos impedimentos que poderiam haver.
      Mais tá valendo, estamos na reta final, lutar…lutar…lutar.

      Resposta
    • 27 de fevereiro de 2019 em 11:58
      Permalink

      Pablo, você está enganado. Utilidade pública é quando não tem fins lucrativos, o que não é este caso!!!

      Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 10:29
    Permalink

    O time titular têm quê jogar o mineiro para pegar entrosamento, depois não adianta chorar.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 11:01
    Permalink

    Existe um córrego que passa no meio do terreno. Não é burocracia!!!!! É LEI!
    UTILIDADE PÚBLICA??? Faz-me rir…

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 11:02
    Permalink

    Nunca em tempo nenhum, ninguém se arrependeu por fazer a coisa certa, siga o caminho, dê o exemplo gasilo !!

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 11:13
    Permalink

    A função do MP é essa, vai investigar e colher informações. Contudo, tem que ficar de olho aberto para o campo das funções das entidades (MPMG), não ultrapassar para o lado pessoal ou futebolístico do Promotor responsável pela análise. Olhos abertos GALO! O Estádio vai sair, mas como tudo no Brasil existem diversos entraves burocráticos.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 11:17
    Permalink

    Todo empreendimento de grande porte tem irregularidades. Se o MPMG não ficar no pé vai dar merda depois. Contornar isso é simples. Apresente os dados que eles pedem e faça as correções necessárias. O MP não é contra e nem vai ser contra. Eles querem que façam corretamente.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 11:46
    Permalink

    Salve massa!

    Valha me Deus! Estamos a porta de um jogo da liberta e nós aqui discutindo burocracia para construção de estádio. Desculpe escriba, mas este assunto deveria ser tratado em outra ocasião, o foco agora é o jogo de hoje.
    E lá vamos nós para mais uma partida da liberta. Desta vez diante de uma adversária infinitamente frágil, espero não ficar diante da TV torcendo pro apito final, como nas partidas contra o Danúbio. Não que nossos adversários sejam fortes, mas nós mesmos estamos sendo nosso maior adversário. Duro vai ser aguentar o triunvirato de novo, mas parece que o piadista burro com sorte, vai morrer abraçado com seus asseclas. Enfim, é ganhar a partida e torcer pra diretoria tirar a bunda da cadeira e ir atrás dos 3 reforços pré-selecionados. Aliás se vierem, Jobson, Arzamendia e principalmente Romero, encaixariam perfeitamente no elenco, e detalhe chegariam para serem titulares. Bica Galoooo!!!!

    Recado pro Burro com Sorte: se fizer uma substituição como a última vai rolar bastante vai. Não abusa da sorte, meu caro!

    Té + e FORA triunvirato ELIAS, FÁBIO SANTOS E PATRIC!!!!

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 11:47
    Permalink

    Caros,
    Piada, né? É brincadeira o q essa turma do puxadinho do Horto tem feito com a grande Massa atleticana…Então quer dizer q negociaram numa área de proteção ambiental à revelia de tudo e de todos…Feita a transação capciosa, agora cabe ao atleticanos LUTAR LUTAR LUTAR. Cês tão de brincadeira. né?
    Obs.: mas, Viana?, olha a Vale aí, passando o trator em tudo, acabando com os mananciais, sugando a terra brasilis, provocando crimes contra a população, qué qui tem passar o trator em tudo? É o pogre$$o, Viana, é o pogre$$o, custe o q custar…
    Obs.: e o Mineirão GRÁTIS prás felpudas, hein? Pq o atleticano “verdadeiro” aceita isso? Pq isso ñ é questionado? Pq ñ temos time?
    Viva a eufolia, VIVA A AUSTERIDADE e me engana q eu gosto, eu sou do bloco do mané!
    Falando em passar o trator que interessa, hj logo mais no pequenino Horto ñ tem nem q ver. O Defensor, no nível de Libertadores, é um time simplesmente ridículo, a verdade é essa. A Libertadores ainda vai começar prá nós, acreditem em mim…
    GALO SEMPRE!

    Resposta
    • 27 de fevereiro de 2019 em 12:15
      Permalink

      O mineirão é tão de graça que devem R$ 14.000.000,00 que estão sendo cobrados na justiça. Vamos ser do contra, contra tudo e contra todos e viva os PSEUDOS.

      Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 12:08
    Permalink

    Acho que não é só no MP que está tentando impedir a construção da Arena não, tem muitos aqui também torcendo contra. Antes de reclamarem da MRV deviam se informar melhor, ela poderia vender o terreno e pronto não construia mas lucrava e mais antes de falarem em reserva ambiental deveriam ir lá ver a quantidade de bota fora e lixo que é despejada lá. A Prefeitura e os orgãos deveriam era dar graças a deus do GALO construir sua Arena ali. Pra quem não sabe, o nome do local lá é Carandiru sabem porque? sujo e mal cuidado essa é a preocupação com o Meio Ambiente dessa turma. E pra não falar que não falei do jogo de hoje vale $ 3.000.000,00.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 12:26
    Permalink

    Precisamos lutar e acompanhar, sim, os imbróglios e as fases de construção da nossa Arena MRV. Os óbices parecem ter cor azul, mas não se pode afirmar. Que tudo seja feito de acordo com as leis, pois, em breve, teremos uma casa própria moderna, maravilhosa, sem pendências e dívidas, para nos orgulhar eternamente.
    Exorto os Atleticanos à ação de “jogar pra cima” os nossos atletas, pra emplacar o Ígor Rabello na Seleção Brasileira. Ver o Globo.com, todo dia, fazendo lobby para convocarem Lucas Paquetá e Vinícius Jr. é dose! Mas a imprensa carioca está certa. A mineira é que é polida e acanhada demais, e não tem coragem de se impor contra o eixo RJ/SP. Se a imprensa não faz, a nossa Torcida deve fazê-lo. Galo 5×0, hoje!

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 13:18
    Permalink

    Desculpe o autor, mas hoje não era dia para este assunto.
    Hoje é jogo decisivo na Libertadores. Vale muito para temporada, inclusive financeiramente.
    Se algum conselheiro ou membro da Diretoria estiver lendo agora, por favor, na fase de grupos JOGO NO MINEIRÃO. Garanto que vai lotar, olha a renda… E ainda premia outros tantos que não podem comparecer ao Horto. É jogada a hora de parar de mimimi com a Minas Arena e resolver logo isso.
    Espero muito que o Levir acorde logo e coloque Guga como titular. Elias e Fabio Santos fazem hora extra também. Esse ano pode ser muito bom, basta lembrar dos erros do passado e corrigir de imediato o que for preciso.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 13:25
    Permalink

    quero msaber quem é Marco Antônio Borges, muito bem explicado, a autonomia deste servidor para abrir sindicância…

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 13:34
    Permalink

    Boa tarde a todos!
    Caros amigalos, libertadores não existe essa de adversários fáceis, fracos, só porque são da prateleira de baixo. Futebol são 11 contra 11 e disputado dentro das quatro linhas. Tem torcedor aqui menosprezando os nossos adversários da pré libertadores e digo que vários deles já disputaram a libertadores. O Galo está bem no rural e nos mata matas da pré libertadores e devemos sim parabenizar, pois quando estamos mal no rural, a ripa come solta no lombo de todos, diretoria, comissão técnica e jogadores. Não interessa se é o rural ou pré libertadores com times considerados fracos, pois se fosse o contrário o pau estaria comendo. Nos dois anos anteriores quando começamos mal o rural foi um alvoroço total e quando começamos bem e disputando maioria da competição com o time B e liderando, enquanto o nosso rival decantado por toda a imprensa local e nacional, jogando com o que há de melhor e não conseguindo vencer os times do interior fora de casa, ainda tem torcedores desmerecendo e menosprezando o nosso bom começo, dizendo que o rural e os adversários da pré libertadores são fracos. Quer queira ou não, tanto o rural quanto a pré libertadores, tem sim algum parâmetro daquilo que vai ser durante o ano, pois quando começa mal o rural a luz vermelha acende. Não devemos nos empolgar muito, pois o elenco ainda requer de novas contratações para que seja encorpado e continuarmos na luta para brigarmos nas cabeças. Vejam os times, principalmente os de SP, que estão sendo eliminados por times também considerados fracos. Já saíram o SP (pré), Santos e possivelmente hoje o Corinthians (Sul americana). Vamos apoiar o nosso Galo, independente da competição e dos adversários, pois o que importa é está fazendo boas campanhas até aqui.
    Saudações atleticanas a todos!!!

    Resposta
    • 27 de fevereiro de 2019 em 14:13
      Permalink

      Boa Jairo, tenho o mesmo pensamento. Parece que alguns aqui teimam em não enxergar o óbvio.

      Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 16:04
    Permalink

    O MP deveria preocupar problemas mais importantes para Minas Gerais, como por exemplo as autorizações para as mineradoras construirem barragens criminosas, que acabam com rios e suas bacias hidrográficas.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 17:18
    Permalink

    Boa, concordo!
    Estos bem neste início e devemos apoiar.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 17:48
    Permalink

    Engana quem acha que aquele terreno e impossibilitado de construção, tem sim nele uma pequena parte que é tida como reserva ambiental por fazer parte da Mata Atlântica mas é um pedaço mínimo. Pra mim isso é coisa de cruzeirense que trabalha nestes órgãos nojentos que tem por ai, e lógico que eles ir ao fazer de tudo pra impedir a construção do sonhado estádio do galo ainda mais que o prefeito fala que não vai interferir no assunto o que ele está corretíssimo. Pode ficar ciente que enquanto tiver uma Maria responsável por uma canetada em algum órgão público pra liberar este estádio ele irá ficar parado. Vai ser revisão daqui dali falta documento tal e vai enrolar ainda uns 6 meses.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 19:17
    Permalink

    Muito ancioso para ver e poder entrar no nosso estádio e gritar.
    Muito obrigado meu Deus,por esse dia maravilhoso e que abençoe esse templo amado por muitos e odiado por poucos.
    Porque aqui e Deus no céu e o galo na terra.
    Viva o galo.
    Galo é Galo
    E cada um com seus problemas

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 19:34
    Permalink

    Resido em MT e fora de MG há 39 anos, mas nunca deixei de seguir o Galo, inclusive indo a alguns jogos em BH. Para mim o que falta ao Galo é COMANDO e gestão. É preciso alguém que se faça respeitar pelos jogadores. Observo em muitos jogos, quando estamos à frente no placar, a displicência, desinteresse, preguiça e boleiragem de vários atletas. Alguns não têm aquela gana de seguir pra cima e sufocar o adversário e fazer muitos gols se possível. Por isto, sempre é aquele desespero, tomando sufoco de times meia boca, perdendo pontos importantes em casa, além de algumas derrotas injustificáveis. Quando o salário atrasa, ai os caras viram fera, vazam os problemas para a mídia e pipocam em campo fazendo corpo mole. Reconheço que estes problemas não são exclusivos do Galo, mas é o perfil do jogador Brasileiro: jogam muito menos do que pensam e falam, mas são bons para cobrar e sempre querer uma vantagem. Vide o Tardeli, Roger Guedes, etc. Nunca deixarei de ser Atleticano, apoiar o Clube, comprar seus produtos oficiais, mas esta racinha de jogadores boleiros e malas já deu. Precisamos que ordem e progresso no GALO, senão vamos continuar sofrendo. Basta nos mirarmos nos exemplos do Kalil, que fez até Ronaldinho e Jô jogarem bola. É preciso alguém chegar junto no Elias, no Cazares e no Fábio Santos. O Patric não tem culpa de ser escalado, muito menos o Adílson. Não estamos em terra arrasada, afinal a grande maioria dos clubes Brasileiros também estão nesta, inclusive as Marias, mas devemos urgentemente encontrar um CAPITÃO para o GALO. Será que o Leonardo Silva não dá conta deste recado?

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 20:14
    Permalink

    Nem sempre é possível responder a todos, mas adoro o bom diálogo e as boas ideias.
    Quanto às publicações elas não tiram foco de nada e um bom profissional se pauta em publicar sem ilusões.

    A inteligência dos leitores aqui é fantástica.

    Quem quiser, sigam nas redes! No twitter @rmarques13

    Mais uma vez, muito obrigado pelo bom debate.

    Betinho Marques

    Galo, som, sol e sal é fundamental!

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 20:17
    Permalink

    MP tá de brincadeira, cadê esse órgão pra fiscalizar as barragens assassinas das mineradoras? Agora querendo aparecer em cima do Galo, concordo com quem disse q deveriam agradecer ao atlético por construir estádio naquele local, a prefeitura de BH é omissa com limpeza e bota-fora irregulares, parem de encher o saco e deixem construir a arena logo, por estas e outras que ainda somos considerados provincianos!

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 22:23
    Permalink

    Achando que o Galo ia dar um passeio nesse Defensor no primeiro tempo, mas o burrinho enche o Galo de volante, tira um atacante e permanece com o bunda de chumbo. Ê…Levir….

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 22:50
    Permalink

    NAO ADIANTA.ESSE TAL DE LEVIR ESCALOU O TIME RECUADO E CHAMOU O DEFENSOR.E O ELIAS E PATRICK CONTINUAM OS MESMOS.MANDA ESTE CARA EMBORA QUE AINDA DÀ TEMPO.RETRANQUEIRO,MEDROSO,INCOMPETENTE.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 22:57
    Permalink

    Burro!
    Burro!
    Burro!
    Burro!

    Resposta
    • 28 de fevereiro de 2019 em 00:22
      Permalink

      Corneta. PARECE MARIA!!!!

      Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 23:03
    Permalink

    Agora ele se superou. Tirou Luan, o melhor do Galo, deixou o amante em campo, o bunda de chumbo, pra colocar outro volante. Vai ser burro assim lá na pqp!!

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 23:19
    Permalink

    e o que mais irrita è que ele fica olhando e nao faz nada.era para tirar o elias,pois ele jà està com dois volantes;è duro.se contra o Defensor,com 2×0 a favor,jogando em casa ele joga fechado,na fase de grupos nao ganha uma.no brasileiro nem quero comentar.e este tal de Jair è jogador de campeonato mineiro e sò.

    Resposta
  • 27 de fevereiro de 2019 em 23:29
    Permalink

    Esse Levir ainda vai matar muito torcedor de raiva. Teimoso, irritante, pirracento e burrooooooo

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *