Análise: O que esperar do Colón?

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

 

 

André Lobato
Do Fala Galo, em Belo Horizonte
17/09/2019 – 5h

Não é segredo para ninguém que o Atlético deposita todas as suas fichas na Copa Sul-Americana. O Galo enfrentará o Colón-ARG nos dias 19 e 26 de setembro pela semifinal do torneio continental e, por isso, o Fala Galo decidiu analisar o próximo adversário da equipe alvinegra na competição.

Fundado em 1905 por um grupo de amigos que se reuniam para jogar futebol na província de Santa Fé, os sabaleros nunca venceram um torneio nacional. Apesar disso, a equipe já venceu equipes famosas, como o Santos de Pelé, Boca Juniors e até a Seleção Argentina.

A equipe é muito intensa atuando no Estádio Brigadier General Estanislao López, mais conhecido como “cemitério dos elefantes”. Um estádio com capacidade para 40 mil pessoas e que pulsa graças à apaixonada torcida. O “cemitério” certamente estará lotado para o jogo contra o Atlético.

O Cemitério dos Elefantes

Alguns pontos devem ser destacados em relação ao próximo adversário da equipe alvinegra. O time comandado por Pablo Lavallén tem como esquema de jogo o 4-4-2. A defesa é o seu ponto de desequilíbrio. A dupla de zaga é lenta e precisa ser explorada pelo ataque do Galo. O goleiro Burián também não passa confiança para a equipe.

O meio-campo é formado por Zuqui, Lertora, Aliendro e Estigarribia, um quarteto com boa qualidade de passe. O Colón depende muito da criatividade desses jogadores. No comando do ataque estão os experientes Wilson Morelo e Luis Miguel “La Pulga” Rodríguez. Este último merece uma atenção especial de todo setor defensivo do Galo.

La Pulga Rodríguez

A equipe argentina chega confiante para o duelo com o Atlético, já que venceu o até então líder San Lorenzo por 2 a 1, em jogo válido pela 6ª rodada da Superliga Argentina.

Já o Galo precisa dar uma reposta para o seu torcedor, uma vez que o time vem de cinco derrotas seguidas no Brasileirão.

O ano do Atlético depende muito da Copa Sul-Americana e espero que os jogadores representem o Clube Atlético Mineiro e sua imensa torcida.

 

LEIA TAMBÉM:

Atlético negocia com volante do Goiás

 

Atlético contrata joia do futebol Paulista cobiçada por Santos e equipes do exterior

 

Atlético contrata destaque da Copa Paulista

 

GOSTOU? Siga nossas redes sociais. Clique nos links abaixo e fique por dentro dos bastidores do Atlético.

Facebook: facebook.com.br/falagalo13
Instagram: instagram.com.br/falagalo13
YouTube: youtube.com.br/falagalo13
Twitter: twitter.com.br/falagalo13
Site: falagalo.com.br
Edição: Ruth Martins
Edição de imagem: André Cantini 

Angel Baldo

Mineiro de nascença, mas Paulista de criação. 30 anos, Administrador e Engenheiro Mecânico. Atualmente residindo na cidade de Uberlândia.

11 comentários em “Análise: O que esperar do Colón?

  • 17 de setembro de 2019 em 07:39
    Permalink

    O que esperar do Colon eu não sei, mas já sei o que esperar do time do Galo. Apatia, falta de vergonha, jogadores fracassados e que vivem do passado, treinador pau mandado e burro e diretoria omissa. Este é o histórico que o atleticano tem acompanhado e que enquanto os homens que comandam, treinam e jogam no clube estiverem lá irá se perpetuar.

    Resposta
    • 17 de setembro de 2019 em 18:38
      Permalink

      concordo plenamente, decepção total, tamo ferrado.

      Resposta
  • 17 de setembro de 2019 em 08:43
    Permalink

    Será um jogo de um time Argentino jogando com raça, rapidez e vontade de ganhar contra um time brasileiro apático, lento e desinteressado.

    Resposta
  • 17 de setembro de 2019 em 09:22
    Permalink

    Pena não termos treinador á muito tempo ,quem escala o time são os jogadores

    Resposta
  • 17 de setembro de 2019 em 10:48
    Permalink

    É IMPOSSÍVEL CONFIAR NESSE ELENCO PIPOQUEIRO E MEDÍOCRE!!
    Só nos resta contar com a sorte, que o Goleiro Cleiton esteja em uma noite mágica feche o gol e agente consiga um bom resultado.
    Não é difícil prever a pressão que vai ser lá que o Cleiton seja o melhor em campo e mesmo aos trancos e barrancos agente consiga esse título, precisamos muito desse título.

    Resposta
    • 17 de setembro de 2019 em 18:35
      Permalink

      Com o ” técnico ” que temos , Vina , Fábio Santos e Elias, só nos resta fazer uso do banco, que tem: Bolt, Terans, Papagaio. Luan foi excluído pelo técnico da URT. Fugir, para onde ?

      Resposta
  • 17 de setembro de 2019 em 12:49
    Permalink

    boa tarde massa. do galo não espero nada. aliás se não levar de 5 já está bom. os argentinos tem raça e vergonha na cara. enquanto estes peladeiros não tem vergonha na cara e preocupa é com os salários altíssimos. diretoria amadora nos levou para lama.não confio neste estagiário e burro e Montes de peladeiros. chega.

    Resposta
  • 17 de setembro de 2019 em 15:32
    Permalink

    Boa tarde amigos do Galo. Sinceramente os diretores e comissão técnica(?) do NOSSO GALO não se cansam de nos decepcionar, agora o tal treinador barrou o “Luan está fora por opção do treinador do Atlético. A informação foi confirmada ao Superesportes pela assessoria de comunicação do clube. O meia-atacante só entrou em campo em dois dos jogos”. Quanto despreparo, quanta incompetência, quanta imaturidade deste treinador.
    E eu que acreditava na capacidade do tal treinador? Luan é garra, é raça e hoje é o único ídolo da massa.

    Resposta
  • 17 de setembro de 2019 em 18:37
    Permalink

    Espero, decepção.

    Resposta
    • 18 de setembro de 2019 em 09:32
      Permalink

      Time horroroso, essa sulamericana já era toma uma goleada amanhã é acabou, estou preocupado é coma chance de cair pra segundona ,será que esse bando de perna de pau conseguem fazer mais 20 pontos.

      Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *